Mau humor e fome realmente tem ligação?

Saiba se o ditado popular ‘’cara feia para mim, é fome’’ realmente tem alguma veracidade e se o estresse realmente aparece com força total quando sentimos fome. Mau humor e fome realmente tem ligação?

Já aconteceu com você o fato de sair de casa só para dar patada em todo mundo? Aquele dia estressante em que simplesmente você se estressa com todos a sua volta e depois descobre que seu problema era a falta de comer?

Mas então, será mesmo que a fome tem alguma relação com a nossa falta de humor e estresse? Neste post você saberá se realmente isso é verdade e o porquê isso ocorre, então continue comigo.

Fome x mal humor

É bem possível que em algum momento você tenha associado o estresse com a fome, mas o que provavelmente você não sabe, é que estudos já comprovam essa relação.

E ainda dão os motivos esclarecidos do porque isso acontece.

O estudo basicamente foi o seguinte: uma universidade americana recrutou cerca de 107 casais para participar dessa experiência, pois decidiram que nada melhor do que um casal que vivem juntos para representar o nível de estresse.

Para que isso fosse possível, o casal teria que medir sua glicemia antes do café da manhã e antes de dormir, durante 21 dias.

O interessante é que os pesquisadores descobriram que em pessoas saudáveis, quando se alimentavam o nível de glicose aumentava, e diminuía quando passava muito tempo sem se alimentar, quando estamos com fome mais especificamente.

Resultado do teste – Mau humor e fome

Cada cônjuge recebeu um boneco de vudu que representaria seu parceiro, mais 51 alfinetes. A tarefa deveria ser feita de maneira isolada, onde cada um deveria espetar o boneco conforme o seu nível de estresse.

Com isso, os pesquisadores puderam concluir que os níveis baixos de glicose deixavam o casal mais irritado e logo traria mais alfinetes em cada bonequinho.

Ou seja, no período em que menos se alimentaram, era possível estar menos tolerante com o parceiro ou parceira.

Comportamento agressivo x impulsos agressivos – Mau humor e fome

Um impulso agressivo não quer dizer basicamente que teremos um comportamento agressivo, pois ainda possuímos mecanismos de autocontrole.

Porém, os cientistas tentaram descobrir se isso basicamente tinha a ver com os níveis de glicose em nosso sangue.

Por esse motivo, logo depois dos 21 dias os cientistas convidaram os casais para um teste, onde haveria um jogo simples de computador.

Quem ganhasse poderia fazer o parceiro sofrer um castigo, que incluía fazer barulhos irritantes (garfo arranhando panela, motor de dentista, sirenes etc.) em um fone de ouvido.

O tempo e a intensidade dos ruídos seriam definidos pelos vencedores, que poderiam ser escolhidos entre 60 a 105 decibéis e tempos entre 0,5 a 5 segundos.

Há também uma outra opção na qual não era irritar o cônjuge perdedor.

Na realidade tudo não passava de uma farsa por parte dos cientistas, pois as partidas de computadores já estavam definidas desde o começo de quantas iam ganhar e perder.

Nem mesmo os ruídos eram escolhidos por eles, pois os sons eram emitidos a uma frequência pré-determinada por eles.

Mas para o cônjuge, ter uma ‘’arma’’ em mãos significava muito, pois com ela era possível causar impactos irritantes em seus respectivos companheiros.

É claro que assim que surgiu o resultado, foi possível perceber como o cônjuge que possuía menos glicose em seu organismo, possuíam a tendência em escolher os ruídos mais fortes para o companheiro, o que inclinava a crer que estava com comportamento agressivo.

Por que isso acontece?

Em nosso corpo possuímos algo chamado de autocontrole, que muitas das vezes nos barra de cometer qualquer ação prejudicial.

No entanto esse autocontrole é um mecanismo que requer muita energia para que consigamos utiliza-lo, essa energia é proveniente em sua maioria da glicose, que aumenta quando nos alimentamos.

Logo é possível concluir que, quando passamos um bom tempo sem comer, não temos a energia necessária para termos o autocontrole e engolirmos o nosso estresse.

Portanto, por esse motivo é que nos sentimos tão estressados quando estamos com fome.

Por fim, é importante lembrar que a fome pode sim causar irritação, mas nunca é desculpa para cometer quaisquer atos violentos ou que coloque você em risco.

Portanto não use a fome como desculpa. Se sentir necessidade de procurar por um especialista, não deixe de estar se consultando e descobrindo se o seu estresse tem relação com outra coisa.

(Visited 178 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *